Com aumento em óbitos e casos, SP aumenta restrição
08/01/2021 14:43 em Pandemia Coronavírus

Com o aumento das taxas da covid-19 no Estado, o que inclui também um aumento de 8,2% em internações, decidiu-se por mudanças nos regramentos do Plano São Paulo, de reabertura econômica e flexibilização da quarentena. Além disso, a reclassificação de fases colocou quatro regiões na fase laranja, enquanto o restante, o que inclui toda a Grande São Paulo, segue na fase amarela.

"A pandemia infelizmente recrudesceu, por culpa de poucos, que não respeitaram normas sanitárias e orientações da saúde. pessoas que infelizmente se aglomeraram, não usaram máscara, festejaram de uma forma irresponsável e colocaram tanto seus familiares quanto amigos em risco", lamentou Jean Gorinchteyn, secretário estadual da Saúde. "Só as vacinas poderão mudar a história da pandemia no mundo, mas, principalmente, no nosso País, preservando vidas", destacou. O governador João Doria não estava presente na coletiva de imprensa.

A região de Presidente Prudente passou da fase vermelha para a laranja, enquanto Marília, Sorocaba e Registro regrediram da fase amarela para a laranja. De acordo com o secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, a ocupação de UTIs foi o principal fator para a piora nos índices das três regiões. O restante do Estado segue na fase amarela, o que representa 90% da população paulista.

Fonte: site terra.com

Foto: Foto: Aloisio Mauricio/FotoArena / Estadão

 
 
COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!